AVISO

Imagem do Dia


Palete de cores em Marte

Ditos

"Vês, mas não observas."
- Sir Arthur Conan Doyle


Aprendendo com as estrelas: reciclagem cósmica

2015-09-08

Créditos: ESO
Se atirar com uma garrafa de plástico para o lixo, essa garrafa acabará num aterro ou flutuará no oceano durante centenas de anos. Ninguém sabe como será a Terra daqui a centenas de anos. Mas sabemos que aquela garrafa de plástico continuará a ser uma garrafa de plástico!

Como podemos impedir que isto aconteça? Podemos seguir o exemplo do Universo e reciclar! Muito no início, antes da existência do Sol, da Terra e do resto do sistema solar, as primeiras estrelas começaram a queimar hidrogénio gasoso e a criar hélio. Depois queimaram hélio para criar carbono, oxigénio e outros elementos químicos.

Tal como os humanos, as estrelas nascem, vivem e eventualmente morrem. Quando morrem de forma dramática em explosões de supernova ou perdendo o controlo das suas camadas exteriores os elementos químicos recém gerados nos seus ventres são lançados para o espaço.

A foto em cima mostra uma região gigantesca do espaço designada por nebulosa. Durante milhões de anos nasceram estrelas novas a partir do gás desta nebulosa. E durante milhões de anos estas estrelas morreram e devolveram o gás à nebulosa de forma a que o ciclo recomeçasse.

Sem esta reciclagem cósmica, o Sol e os planetas do nosso sistema solar não existiriam. Reciclar teve um papel importante ajudando a que a vida despontasse na Terra. Se queremos que a vida continue a florescer no nosso planeta temos de fazer com que a reciclagem tenha um papel importante no nosso quotidiano.

Facto Curioso: Reciclar não tem de ser complicado e até pode ser bem divertido! Porque não fazer um candeeiro, vasos para as plantas ou uma mochila foguetão, tudo isto com garrafas de plástico recicladas? Vá a http://www.boredpanda.com/plastic-bottle-recycling-ideas/ e divirta-se!

Este Space Scoop é baseado nos relatórios de imprensa do: ESO

Link para a noticia original: http://www.unawe.org/kids/unawe1538