AVISO

Imagem do Dia


Palete de cores em Marte

Ditos

"Procure ser uma pessoa de valor, em vez de procurar ser uma pessoa de sucesso. O sucesso será uma consequência."
- Albert Einstein


Sinais de Luz do Outro Lado da Via Láctea

2015-02-20

Créditos: ESO/VVV consortium/D. Minniti
Esta imagem foi obtida usando um telescópio especial chamado VISTA. O VISTA é especial porque não colecta luz normal que os nossos olhos possam ver. Ele olha para o universo com uma luz para nós invisível - Infravermelho.

Ao contrário da luz visível, a luz infravermelha pode viajar através de materiais como a poeira cósmica e revelar-nos o que está escondido no seu interior.

Tal como todos os telescópios, o VISTA não é só utilizado para tirar fotografias bonitas do espaço (mas é um grande bónus)! Uma das suas principais tarefas é penetrar nas espessas nuvens de poeira no centro de nossa galáxia que normalmente absorvem a luz visível.

Mais do que dar a conhecer o que está bloqueado, o VISTA consegue detectar objetos do outro lado da galáxia que nunca foram vistos antes. Esta imagem é um exemplo perfeito das surpresas que podem ser reveladas quando se olha para o Universo através de infravermelhos.

Apenas numa pequena parte do cosmos capturado nesta fotografia, o VISTA descobriu duas novas estrelas! São dois tipos especiais de estrelas conhecidas como Cefeides variáveis. São enormes estrelas amarelas brilhantes, milhares de vezes mais brilhantes que o nosso Sol.

Estas estrelas são famosas pela forma como lentamente vão aumentando o brilho que em seguida vai desvanecendo novamente ao longo do tempo. O brilho pode mudar ao longo de dias ou meses, dependendo da estrela — o brilho das duas estrelas recém-descobertas varia a cada 11 dias.

Facto Curioso: As estrelas variáveis, Cefeides são muito importantes para os astrónomos porque nos podem ajudar a calcular a distância a galáxias distantes.

Este Space Scoop é baseado nos relatórios de imprensa do: ESO

Link para a noticia original: http://www.unawe.org/kids/unawe1507