AVISO

Imagem do Dia


NGC 7331

Ditos

"Os físicos são revolucionários quando não podem ser conservadores"
- Jorge Dias de Deus


Galáxia Monstruosa mostra-nos o seu outro lado

2013-03-10

Créditos: Universidade de Shinshu e Observatório Astronómico Nacional do Japão
Esta parece a imagem de um super-raio laser destruidor de planetas do Star Wars ou de um qualquer outro filme de ficção científica e quase poderia ser! O que estamos a ver é o centro de uma das galáxias mais ativas no universo. Centros de galáxia como este jorram incríveis quantidades de energia – são mais brilhantes do que cerca de 100 galáxias normais juntas!

Embora esta imagem seja a visão de um artista e não uma fotografia real, baseia-se nas primeiras observações reais 3-D de um quasar -isto é o que os astrónomos chamam de centros ativos de galáxia! Ver um objeto astronómico em 3D não é tarefa fácil. A menos que o objeto esteja a rodar, é muito difícil de ver mais de um ângulo. Mas neste caso veio em nosso socorro um herói improvável: um enorme enxame de galáxias, situado entre o quasar e a Terra.

Parece estranho, mas em vez de nos bloquear a imagem do quasar, a força gravitacional do enxame de galáxias era tão forte que dobrou os feixes de luz provenientes do quasar, à medida que o atravessaram. Por isso, a luz viajou em torno do enxame e fomos capazes de observar o quasar da terra. Melhor ainda, o enxame “dobrou” a luz e assim podemos observar a luz vinda dos diferentes lados do quasar de uma só vez! Isso deu os astrónomos a primeira visão 3D de uma destas monstruosas galáxias!

Facto Curioso: O universo é composto de várias estruturas mantidas juntas pela gravidade. Estrelas são reunidas em galáxias e galáxias são reunidas em enxames de galáxias. A nossa galáxia, a Via Láctea, faz parte do aglomerado de Virgem, juntamente com cerca de outras 2000 galáxias!

Este Space Scoop é baseado nos relatórios de imprensa do Observatório Astronómico Nacional do Japão: http://www.nao.ac.jp/E/release/2013/02/20/3-d-observations-of-the-outflow-from-an-active-galactic-nucleus.htm/

Link para a noticia original: http://www.unawe.org/kids/unawe1314/