AVISO

Imagem do Dia


Remanescente de supernova G292.0+1.8

Ditos

"Tudo deveria ser feito da forma mais simples possível, mas não mais que isso."
- Albert Einstein


A estrela “ponta-de-lança”

2012-02-08

Créditos: Chandra Observatory
Cerca de cada 50 anos, explode na nossa galáxia uma estrela de grande massa a que chamamos de supernova. Na explosão, as camadas exteriores de gás são lançadas no espaço. Este gás quente, emite radiação de raio-X que os astrónomos conseguem fotografar usando telescópios especiais que se encontram no espaço.

O que resta da estrela, é comprimido restando uma pequena bola que passa a chamar-se de estrela de neutrões. Uma estrela de neutrões é cerca de duas vezes mais massiva que o nosso Sol mas reduzida a uma bola de 24 quilómetros de diâmetro – cerca de 60.000 vezes mais pequena que a nossa estrela!

A foto que podemos ver em cima, capturou o remanescente da explosão de uma supernova. Curiosamente, a posição da estrela de neutrões (o pequeno círculo laranja do lado direito) está bastante distante da zona onde os astrónomos pensam ter ocorrido a explosão (no centro da foto).

Os astrónomos consideram que, se a previsão sobre a localização da explosão estiver correcta, esta será uma evidência de que as estrelas de neutrões podem sofrer poderosos “pontapés” durante a explosão da supernova.

Facto curioso: De acordo com cálculos realizados pelos astrónomos, esta estrela de neutrões moveu-se a uma velocidade de 4,8 milhões de quilómetros por hora desde a explosão!

Para mais informação: Este Space Scoop é baseado nos relatórios de imprensa do Observatório de Raios- X Chandra da NASA : http://chandra.harvard.edu/

Link para a noticia original: http://www.unawe.org/kids/unawe1208/