Imagem do Dia: Complexo do Camaleão I

2003-03-06

Crédito: European Southern Observatory (ESO).
Telescópio: Very Large Telescope - Antu (Paranal Observatory, ESO).
Instrumento: FOcal Reducer/low dispersion Spectrograh 1 (FORS1).
Esta imagem revela uma área de nuvens moleculares escuras, de nebulosas brilhantes e de estrelas jovens no Complexo do Camaleão I. Esta é uma das regiões de formação de estrelas mais próximas, apenas a cerca de 500 anos-luz, na constelação do Camaleão, perto do pólo sul celeste. Muitas das estrelas neste campo têm somente alguns milhões de anos e algumas encontram-se envoltas no material circum-estelar. A região a azul é uma nebulosa de reflexão, em que pequenas partículas de poeira reflectem a luz das estrelas que as iluminam. A estrela jovem e brilhante, quase central, é HD 97048, de magnitude 9. Em baixo à direita, uma nuvem molecular escura bloqueia a luz das estrelas que se encontram por detrás dela. Nesta região de formação de estrelas, já foram identificados membros com massas de apenas uns centésimos da massa do Sol. Estes objectos designam-se por anãs castanhas e não possuem massa suficiente para se tornarem verdadeiras estrelas.

 

Outras Imagens do Dia:
2018-07-17 - Aglomerado de galáxias CL0024+1654
2018-07-16 - O observatório VLA (Very Large Array)
2018-07-15 - Marte
2018-07-14 - Nebulosa da Roseta
2018-07-13 - Reull Vallis em Marte
2018-07-12 - Deep Impact pronta para causar "impacto"
2018-07-11 - Galáxia NGC 300
2018-07-10 - Região HII RCW 36
2018-07-09 - Rho Ophiuchi e o centro da Galáxia
2018-07-08 - Tagus Vallis em Marte


Mais Imagens...