Imagem do Dia: Morte de uma Estrela

2019-03-02

Crédito: NASA/JPL-Caltech/CfA
Telescópio: Telescópio Espacial Spitzer
Instrumento: Infrared Array Camera (IRAC)
Esta fotografia em cor falsa composta a partir de exposições na banda do infravermelho capturadas pelo Telescópio Espacial Spitzer, mostra a morte de uma estrela, ao centro, rodeada de uma nuvem de gás e poeira. Esta imagem evidencia uma característica nunca antes vista: um anel gigante de material (a vermelho) ligeiramente deslocado do centro da nuvem, que é constituído por material que foi expelido pela estrela ao envelhecer.

A estrela e o seu halo formam uma nebulosa planetária, NGC 246. Nesta imagem, o gás expelido aparece representado a verde, e o anel de material a vermelho. Os astrónomos acreditam que o anel é provavelmente constituído por moléculas de hidrogénio que foram ejectadas da estrela em forma de átomos, e que arrefeceram formando pares de hidrogénio. Novas informações ajudarão a explicar como as nebulosas planetárias se formam, e como alimentam as gerações futuras de estrelas.

Esta composição foi capturada no dia 6 de Dezembro de 2003, e é composta de imagem em quatro comprimentos de onda distintos: 3,6 microns a azul, 4,5 microns a verde, 5,8 microns a laranja e 8 microns a vermelho.
 

Outras Imagens do Dia:
2020-01-20 - Sírius - A estrela mais brilhante do céu nocturno
2020-01-19 - NGC 6302 - Nebulosa planetária da Borboleta
2020-01-18 - Hodge 301 - Nebulosa da Tarântula
2020-01-17 - Tagus Vallis em Marte
2020-01-16 - Nebulosa M 43 (NGC 1982)
2020-01-15 - Rhea vista por Cassini
2020-01-14 - Tempestades em Saturno
2020-01-13 - Cometa Hyakutake
2020-01-12 - Colunas de gás e poeira na nebulosa da Águia (M 16)
2020-01-11 - B 33 - Nebulosa da Cabeça do Cavalo


Mais Imagens...