Imagem do Dia: M 11

2018-01-20

Crédito: Mario Santiago e Paulo Barros
Telescópio: Refractor SkyWatcher 102/500
Instrumento: Atik ATK-2HS
M11 é um enxame aberto a 6000 anos-luz de distância do nosso planeta, e foi descoberto pelo astrónomo alemão Gottfried Kirch do observatório de Berlim em 1681. Charles Messier incluiu-o no seu catálogo em 30 de Maio de 1764, onde o descreveu como um “enxame com um grande número de pequenas estrelas perto da estrela K de Antinous [Scutum] visivel apenas com bons instrumentos”. M11 é um dos objectos mais observados pelos amadores, e encontra-se nesta altura do ano ao alcance de pequenos instrumentos ao início do noite. Nesta imagem dos amadores Mario Santiago e Paulo Barros, capturada com equipamento simples, são visíveis centenas de estrelas que constituem este enxame, também conhecido como o enxame do Pato Selvagem.
 

Outras Imagens do Dia:
2019-12-14 - M 81 e M82
2019-12-13 - Colisão galáctica - NGC 2207 e IC 2163
2019-12-12 - NGC 7023 - Nebulosa da Íris
2019-12-11 - NGC 6960 - Nebulosa do Véu
2019-12-10 - RCW38 em infravermelho
2019-12-09 - Dois discos em torno de Beta Pictoris
2019-12-08 - Galáxia espiral NGC 4945
2019-12-07 - Sojourner na superfície de Marte
2019-12-06 - O Telescópio Espacial Hubble
2019-12-05 - Enxame de galáxias Fornax em raios-X


Mais Imagens...