Imagem do Dia: Supernova N132D

2016-02-11

Crédito: NASA/SAO/CXC.
Telescópio: Chandra.
Esta imagem de raios-X obtida pelo satélite Chandra mostra uma espectacular remanescente de supernova situada na Grande Nuvem de Magalhães, uma galáxia nossa vizinha a cerca de 180000 anos-luz de distância. As diferentes cores representam diferentes intensidade de raios-X. As remanescentes de supernovas contêm os restos das explosões cataclísmicas de estrelas de elevada massa que, ao chegarem ao fim da sua vida, explodem e disseminam todo o seu material pelo espaço interestelar. É nestas explosões que se formam os elementos mais pesados que o ferro. No caso da supernova N132D, a forma da sua remanescente resulta da interacção do material expelido pela supernova com nuvens de gás frio existentes na sua vizinhança. À medida que as ondas de choque se movem através do gás, este aquece até milhões de graus, produzindo uma camada de raios-X à sua volta.
 

Outras Imagens do Dia:
2019-11-18 - Enxame aberto M 23 (NGC 6494)
2019-11-17 - Jactos de raios-X na nebulosa "Pata de Cavalo" (M17)
2019-11-16 - Nebulosa NGC 604
2019-11-15 - Galáxia espiral NGC 1288
2019-11-14 - Nebulosa planetária Henize 3-1475
2019-11-13 - CFHT
2019-11-12 - Enxame de galáxias RDCS 1252.9-2927
2019-11-11 - ALMA - Atacama Large Millimetre Array
2019-11-10 - Remanescente de supernova Cassiopeia A
2019-11-09 - Enxame aberto M 18 (NGC 6613)


Mais Imagens...