Imagem do Dia: Nebulosa planetária NGC 6751

2014-11-02

Crédito: NASA, Hubble Heritage Team.
Telescópio: Hubble Space Telescope (NASA/ESA).
Instrumento: Wide Field Planetary Camera 2 (WFPC2).
Esta nebulosa planetária singular situa-se na constelação da Águia a 6500 anos-luz de distância e formou-se devido ao gás expelido há milhares de anos pela estrela quente que é visível no centro da imagem. A imagem foi construída pelo Hubble Heritage Team que trabalha no Space Telescope Science Institute em Baltimore nos Estados Unidos, com base em três imagens obtidas em 1998 com três filtros destinados a captar a emissão de gases a diferentes temperaturas. As zonas azuis correspondem ao gás mais quente, e estas formam um anel circular em torno do centro. As cores vermelha e cor-de-laranja correspondem às zonas mais frias e estas tendem a situar-se em longos filamentos radiais que divergem a partir da estrela central, bem como num anel exterior circundando toda a nebulosa. A origem destes filamentos frios é ainda desconhecida. O diâmetro da nebulosa é cerca de 600 vezes o tamanho do Sistema Solar.
 

Outras Imagens do Dia:
2019-07-21 - Finos anéis
2019-07-20 - Violenta actividade no centro de Centauro A (NGC 5128)
2019-07-19 - A Via Láctea no Infravermelho
2019-07-18 - Astrónomos na Noite
2019-07-17 - Nebulosas do "Coração" e da "Alma"
2019-07-16 - Enxame de estrelas RCW38
2019-07-15 - Nebulosa da Tarântula
2019-07-14 - Nebulosa de emissão NGC 6820
2019-07-13 - Nebulosa planetária Henize 3-1475
2019-07-12 - Vida em Marte?


Mais Imagens...