Imagem do Dia: Arp 220 - Colisão de galáxias

2003-11-02

Crédito: Rodger Thompson, Marcia Rieke, Glenn Schneider (University of Arizona), Nick Scoville (California Institute of Technology) & NASA.
Telescópio: Hubble Space Telescope (NASA/ESA).
Instrumento: Near Infrared Camera and Multi-Object Spectrometer (NICMOS).
O Telescópio Espacial Hubble permitiu a descoberta da colisão de duas galáxias espirais. O resultado desta colisão é visível na imagem e é conhecido por Arp 220. A colisão desencadeou a formação de uma série de novas estrelas. Esta imagem de infravermelho, obtida com o instrumento NICMOS do Hubble, mostra regiões intensas onde o processo de formação de estrelas está a decorrer com grande intensidade. Os núcleos das duas galáxias que colidiram são ainda visíveis na imagem. Estes distam cerca de 1200 anos-luz um do outro e giram em torno de um centro comum. Arp 220 situa-se a cerca de 250 milhões de anos-luz de distância na constelação da Serpente.
 

Outras Imagens do Dia:
2018-11-15 - Estrela eruptiva V838 Monocerotis
2018-11-14 - Nebulosa da Roseta
2018-11-13 - Helix
2018-11-12 - M 16 - Nebulosa da Águia
2018-11-11 - NGC 6543 - Nebulosa Olho de Gato
2018-11-10 - M 33 (NGC 598) - Galáxia Triângulo
2018-11-09 - M 17 - Jactos de raios-X na nebulosa Pata de Cavalo
2018-11-08 - M87 - Um jacto extragaláctico
2018-11-07 - Nebulosa Ómega (M 17/NGC 6618)
2018-11-06 - Enxame aberto M 18 (NGC 6613)


Mais Imagens...