Imagem do Dia: Núcleos "cometários" em torno de estrela moribunda

2003-06-07

Crédito: NASA, Robert O´Dell, Kerry P. Handron, Rice University.
Telescópio: Hubble Space Telescope (NASA/ESA).
Instrumento: Wide Field Planetary Camera 2 (WFPC2).
Estes objectos em forma de cometa formaram-se, muito provavelmente, nos estágios finais de vida de uma estrela. Através de imagens como esta obtidas com o Telescópio Espacial Hubble, os cientistas descobriram milhares destes objectos na nebulosa da Helix, a nebulosa planetária mais próxima de nós situada a 450 anos-luz de distância. Embora estes núcleos gasosos pareçam pequenos, eles são, de facto, gigantescos. Cada "cabeça" gasosa é, pelo menos, duas vezes maior que o nosso Sistema Solar, sendo as "caudas" cerca de 1000 vezes mais compridas que a distância da Terra ao Sol. Pensa-se que a estrela moribunda esteja a expelir gás quente pouco denso a partir da sua superfície, fazendo com que este colida com gás mais frio e denso já emitido há alguns milhares de anos atrás. O choque faz com se formem estas estruturas "cometárias".
 

Outras Imagens do Dia:
2018-11-13 - Helix
2018-11-12 - M 16 - Nebulosa da Águia
2018-11-11 - NGC 6543 - Nebulosa Olho de Gato
2018-11-10 - M 33 (NGC 598) - Galáxia Triângulo
2018-11-09 - M 17 - Jactos de raios-X na nebulosa Pata de Cavalo
2018-11-08 - M87 - Um jacto extragaláctico
2018-11-07 - Nebulosa Ómega (M 17/NGC 6618)
2018-11-06 - Enxame aberto M 18 (NGC 6613)
2018-11-05 - Pulsar B1757-24
2018-11-04 - Nebulosa planetária NGC 3132


Mais Imagens...