Imagem do Dia: M 16 - Nebulosa da Águia vista pelo ISO

2003-05-21

Crédito: ESA, ISO, ISOGAL Team.
Telescópio: Infrared Space Observatory (ISO).
Instrumento: ISOCAM.
Imagem obtida pelo Infrared Space Observatory (ISO) do interior frio da nebulosa da Águia. Sensível à radiação infravermelha, o ISO foi lançado em 1995 pela Agência Espacial Europeia (ESA), tendo aberto uma nova "janela" para o Universo. Estas observações têm de ser realizadas a partir do espaço, dado a atmosfera terrestre absorver grande parte da radiação infravermelha. A região central da nebulosa da Águia é aqui vista em cor falsa em todo o seu esplendor. A cor azul representa emissão proveniente de moléculas complexas de carbono; a cor vermelha é o resultado da emissão de grãos microscópicos, muito frios, que povoam o centro da nebulosa. Esta zona é uma autêntica maternidade de estrelas, sendo objecto de muitos estudos de formação de estrelas. Descoberta por Messier, a nebulosa da Águia foi catalogada como M 16 no século XVIII. Situa-se a cerca de 8000 anos-luz de distância, na constelação da Serpente.
 

Outras Imagens do Dia:
2020-10-30 - Aglomerado globular M 14 (NGC 6402)
2020-10-29 - Mz 3 - Nebulosa da Formiga
2020-10-28 - Formação de estrelas em L1641N/NGC 1999
2020-10-27 - Nuvem escura RCW 108
2020-10-26 - Enxame aberto M 23 (NGC 6494)
2020-10-25 - Constelação do Escorpião
2020-10-24 - Jactos de raios-X na nebulosa "Pata de Cavalo" (M17)
2020-10-23 - Chajnantor
2020-10-22 - Anéis de Saturno vistos pela Cassini
2020-10-21 - Parede de cratera em Marte


Mais Imagens...