Imagem do Dia: Nebulosa do Caranguejo (M1) vista pelo Hubble

2006-10-08

Crédito: NASA, ESA, Jeff Hester (Arizona State University).
Telescópio: Hubble Space Telescope (HST).
Esta é a imagem mais detalhada e de maior resolução alguma vez conseguida da nebulosa do Caranguejo. Foi obtida recentemente pelo Telescópio Espacial Hubble e é o resultado da composição de
24 exposições individuais tiradas com o telescópio espacial. Esta nebulosa, situada a 6500 anos-luz de distância, é um dos objectos astronómicos mais conhecidos e estudados. Tem cerca de 6 anos-luz de extensão e é um remanescente de supernova que se encontra ainda em expansão. A explosão estelar que lhe deu origem foi observada por astrónomos chineses no ano de 1054. No seu centro reside uma estrela de neutrões, um objecto extremamente denso, o resto mortal deixado pela estrela moribunda.
 

Outras Imagens do Dia:
2018-12-13 - Nebulosa da Íris (NGC 7023)
2018-12-12 - Jactos de raios-X na nebulosa "Pata de Cavalo" (M17)
2018-12-11 - Enxame aberto NGC 7129
2018-12-10 - Remanescente de supernova SNR0103-72.6
2018-12-09 - Nebulosa da Roseta
2018-12-08 - M 22 (NGC 6656)
2018-12-07 - Galáxia Whirlpool (M 51)
2018-12-06 - Dois discos em torno de Beta Pictoris
2018-12-05 - Nebulosa planetária Abell 43
2018-12-04 - NGC 2237 - Nebulosa da Roseta


Mais Imagens...