Imagem do Dia: M20 (NGC6514) e M21 (NGC6531)

2005-11-27

Crédito: REU program/NOAO/AURA/NSF.
Telescópio: Burrell Schmidt - Case Western Reserve University's Warner & Swasey Observatory.
No canto superior esquerdo da imagem é visível a nebulosa da Trífida. Nesta mesma imagem é ainda visível o enxame aberto M21, situado no canto inferior direito. A nebulosa da Trífida é uma nebulosa de emissão e de reflexão. O seu nome deriva do Latim "trifidus", que significa "dividido em três", fazendo-se referência aos três lóbulos que compõem a nebulosa de emissão visível na parte de cima da imagem. As nebulosas de emissão são também conhecidas por regiões HII, ou regiões de hidrogénio ionizado. Esta é uma das regiões HII mais jovens que se conhece, onde estrelas jovens se encontram a interagir com o gás involvente através de jactos de matéria expelida para o exterior. A luz emitida por estas estrelas em formação aquece o gás, ioniza-o e faz com que ele brilhe. Esta nebulosa encontra-se a cerca de 5000 anos-luz de distância, estando o enxame aberto um pouco mais perto.
 

Outras Imagens do Dia:
2019-07-24 - M 19 (NGC 6273)
2019-07-23 - M 19 (NGC 6273)
2019-07-22 - NGC 2467 - Um infantário de estrelas
2019-07-21 - Finos anéis
2019-07-20 - Violenta actividade no centro de Centauro A (NGC 5128)
2019-07-19 - A Via Láctea no Infravermelho
2019-07-18 - Astrónomos na Noite
2019-07-17 - Nebulosas do "Coração" e da "Alma"
2019-07-16 - Enxame de estrelas RCW38
2019-07-15 - Nebulosa da Tarântula


Mais Imagens...